30 de dezembro de 2009

Fim


Entendo quando é chegado o fim. Aceito o ponto final, o fechar das cortinas. Em meio aos aplausos e aos olhos inundados compreendo que a nostalgia é o que resta. Sinto um fim se aproximando. Sinto que algumas coisas já estão virando lembranças e meu olhar já denuncia despedida. Depois ouvirei rumores do quanto é possível ser insensível a perdas. Bobagem dos que não sabem virar páginas. Viro a página. Visualizo o fim. O espetáculo mergulha em solidão, no silêncio do que foi bonito e bonito, se foi.

19 comentários:

Clara disse...

Ah! Maria...
o fim é inevitável, agora só nos resta forças para o recomeço...
Um bom novo ano que tenhas força para começar de novo!!
beijo grande !

NiNah disse...

E depois só as lembranças ficarão!
Beijas

Luana Gabriela disse...

Maria, aqui estamos nós vivendo o mesmo momento juntas. Foi bom,
Bom, foi.Outra coisa: Todo fim é triste, mas nem todo começo é alegre. Desejo que o fim seja só um novo começo. "Eu viro a página, também sou página virada" Luiza Possi.
Maria, quero te agradecer por cada palavra sua este ano. Muito obrigada pelos seus comentários, foi minha primeira leitora. Que honra a minha! Desejo que você cresça muito no próximo ano e que Deus te abençoe mais e mais.

Feliz 2010.

Bjos

SAM disse...

Maria,

o fim de uma fase é sempre início de outra. Espero e você merece que seja sempre bonito.Acho que temos que saber o ponto certo (como na feitura de um doce ou trabalho de crochê) para que no início da outra tenhamos a experiência necessária no ponto inicial . Não é fácil dar este ponto de arremate , tal como na feitura dos doces ou crochê é uma arte.

Minha querida e admirável Maria, que 2010 seja propício em todos os sentidos para você e familiares. Você merece todo o bem do mundo! Meu coração se enche de ternura quando venho aqui.

Carinhoso abraço e terno beijo

Erica Maria disse...

Que saudades dos seus textos!!!!

Lindooo, embora melancolico...

Bjos no seu coração e um ano novo cheio de paz!!

Grã disse...

A mim soa sempre estranho esse negócio de "fim", acho salutar, pode fazer bem ao coração, mas me soa estranho.
Às vezes me parece que tudo apenas "evolui", era bom de um jeito e agora não é mais... muda-se o jeito, nada acaba! Pode até - e acontece frequentemente - ficar pior do que "o fim". Mas não existe fim.

"Tenho por princípios
nunca fechar portas,
mas como mantê-las abertas
o tempo todo
se em certos dias
o vento quer derrubar tudo?"

Adriana Calcanhoto

Erica Ferro disse...

E o fim dói. Ainda bem que as lembranças ficarão, né não?!

Obrigada por ter deixado que eu me deliciasse com seus textos nesse ano de 2009.

Feliz 2010!

Um abraço.

Priscila Rôde disse...

É um ciclo. O fim é inevitável mas, outros momentos virão.

Boas ondas em 2010!

Cisticerco disse...

Que o fim seja um novo começo.
Um Ano Novo cheio de paz, inspirações e realizações.
Um grande beijo.

~ Gaa.h disse...

Às vezes é bom virar a página, não tenho muitos problemas em relação a isso, sempre tive facilidade em 'aceitar' as coisas.
Acho que o fim não é exatamente o fim de tudo...

Beijoos' & Feliz 2010

Hosana Lemos disse...

E faço de suas palavras as minhas...cada vírgula e cada letra!

*-*



beijos

Mário Sioli disse...

Para um coração como o seu,
a vida sempre reserva surpresas.
Um bom 2010 pra ti.
Felicidade e arte, como você mesmo diz.
Beijos querida Maria.

serena samy disse...

Maria... minha querida Maria...rs! Quero apenas que este ano que surge aparentemente sem pretensão alguma possa te servir de inspiração, pois isto é a única coisa que conheço de te... essas palavras derramadas uma vez ou outra e que me causam tanto prazer em ler. Amo o que conheço de te...

Feliz ano novo,luz e paz sempre.

paula barros disse...

É bom quando temos esse entendimento. Essa compreensão em combinação da alma com a mente com o sentimento.
Vendo o que de bonito ficou.

disse...

Fim com final feliz! =)

fernando disse...

A beleza só se perpetua na memória, será que Platão estava certo, sobre a existência do mundo das ideias?

Sandra Leite disse...

de tudo que vc escreve maravilhosamente, escolho este pra mim. Roubo dos poetas, pois farsante sou...

adorei!

breno disse...

eu visto minha carapuça de QUEEN!e já era!

... disse...

por vezes ate as lembranças ainda magoam, portanto melhor é virar a pagina e arrancar algumas já vividas.

gostei do seu poema, continue