20 de maio de 2009

Sente

Sente aqui, querida. Não há mais nada além para fazer. Agora só te resta se deixar levar sem espernear ou lamentar. Ah, doce querida, não é tão ruim assim! Somos um pouco a vida dos outros também, sempre haveremos de sentir por eles. Coisas boas, ruins, certas ou erradas. Não esqueça que vai passar. Eu, por exemplo, já quis fugir com o circo. Mas não foi possível. Já quis eliminar quem hoje amo. O contrário também. Fiz os dois. Mas ninguém poderá te ensinar o que deverás aprender. É assim. Faz do agora tua escolha. Não é impossível, digo por experiência própria. É possível seres inteira em tudo. Sente por inteiro tua dor, só assim saberás o valor da alegria quando a roda da fortuna te trouxer. Idas e vindas, perdas e ganhos. Alternância com propósitos além do óbvio. E também impossível de explicar. É necessário sentir. Sente aqui, querida. Não há mais nada além para fazer.

23 comentários:

Luana Gabriela disse...

Senta e sente tudo que tiver de sentir, muito intensamente, até se esgoratem as forças.. e assim não haverá mais nada para sentir além de outra coisa

Bjos, Maria...

Erica Maria disse...

Sentir...eis a chave que abre todas as portas...


lindoooooo!!!


Saudades, bjos em teu coração!!!

guilhermina, (ataulfo) e convidados disse...

quero um lugar nesse assento
onde é permitido acentuar
todo o sentimento.
E se deixar ficar,
para só depois,
quando puder,
saber partir.
bj guilhermina

paulo disse...

... e há momentos só de ser, nada mais.

lembrou-me um tanto da música "poema", tão belamente interpretada pelo ney.


adoro o sentir por cá!


beijos meus

Qualquer Um disse...

Cara Maria,

Cada texto seu me traz um cenário. Um contexto. Personagens. Imagino uma cena.
Nesta, a amiga (talvez mais velha, talvez mais experiente)tenta explicar o que ninguém entende sem viver. A possibilidade do novo que nasce da dor da mudança.
O cenário é causual. Aconchegante menos para quem sofre e nao disfarça o desconforto. A quietude é a soma de todos os sons.
Talvez seja tudo cena e Maria converse com Maria sobre Maria.
Sei que é texto bom de ler
Um ab
Edu

Luciana Andrade disse...

Flor,
Seu texto é tão inteiro, que chego a sentir cada linha.
Você é uma fofa! Sinta tudo sim, de forma inteira, só dessa maneira se vive bem.

Auíri Au disse...

"Eu quero ir mais além com você"
Saudades desse cantinho aqui..
Beijos saudosos

.: Juliana :. disse...

Eu tbém adoro vir aqui e principalmente de conhecer vc. Aquela homenagem, é tbém para vc que faz parte dos meus amigos, mesmo sendo virtual. Quem sabe um dia não nos encontramos??? :D

Uma ótima quinta.
Um dia iluminado.

.meu beijo pra vc que é especial para mim.

Susanna disse...

Sento e sinto...
Sinto tanto!

Beijos, irmã!

NiNah disse...

Tão lindo...
Bjos moça

Xabonas disse...

.. vim espreitar o teu blog... e adorei o seu grafismo.

"Todo mundo é capaz de dominar uma dor, exceto quem a sente." (William Shakespeare)


obrigada pela tua visita.

beijoooooooo

Pati disse...

Como são belos seus textos! Eu estava um pouco "atrasada" na minha leitura de suas palavras, mas sempre vale a pena vir aqui, mas tem que ser com calma, pois vc nos faz reletir, pensar, susperirar! Adoro!
bjs

Mário Sioli disse...

Sempre é muito bom vim aqui.
Alimento o coração e faz bem a alma
Beijos Maria!

Ruberto Palazo disse...

A mãe conversando com a Filha? rsss

Sentimos, logo existimos!

Beijos

Sidney Andrade disse...

"Somos um pouco a vida dos outros também..."

Ser mais de um é mesmo um fardo nosso. E uma dádiva. Bom é saber aproveitar a dádiva e dar uso ao fardo. E difícil. Mas tentar é sempre conquistar, mesmo que não se consiga o intentado.

Beijo.

Jânio Dias disse...

Às vezes sentir é mesmo tudo o que nos resta. O resto é silêncio. Beijo.

Sabrina Davanzo disse...

Ai, tão bom, Maria!!
Lindo!

fernando disse...

Quando estava na faculdade, ouvi um professor dizer que o egoísmo é o que vai salvar a humanidade, a príncipio não compreendi o que significava aquela frase, mas hoje sei que se cada um se preocupar em ser um bom ser humano, consequentemente o mundo melhorará.Isso não quer dizer que devemos manter um sentimento de posse, talvez seja um novo sentido para a palavra egoísmo.

Désir La Vie disse...

'Somos um pouco a vida dos outros '
E como somos!

Beijos

Sandra Leite disse...

Ainda bem que Maria sabe que não "há mais nada além para fazer". Passar aqui sempre é bom!

beijos e bom fds

Desnuda disse...

Maria, minha querida. Voce me emocionou com as suas palavras e falar de mim para sua maezinha....Que emoção! Bálsamo para meu coração. Obrigada pelo carinho. Saiba que tenho imenso por ti, além da grande admiração.


Mais um belo texto...É preciso sentir.... Exaurir toda a dor, para enfim ser/ estar plena. E não podemos fugir ou sair do contexto "....Somos um pouco a vida dos outros também, sempre haveremos de sentir por eles. Coisas boas, ruins, certas ou erradas...." Eu sinto, intensamente, Maria. Não raro , se choro ou sofro, não é só por mim, bem o sei. Mas por mim e por todos.


Beijos com carinho

Afobório. disse...

olá.

acho que sentimos o tempo todo e todo o tipo de coisa.

sorte e luz, sempre.

Andréa Cavalieri disse...

O teu sentir sempre me faz sentir muitas coisas.
Teu lugar é bem especial!
Venho pouco,mas sinto muito...
beijos meus, maria.