15 de fevereiro de 2009

Solidão

Naquele dia a solidão me abraçou outra vez. Desta vez mais abusada. Abraçou-me, atrevida, em meio de todos eles. Eu falava e disfarçava, mas ela já espreitava prometendo que não me deixaria. E não me deixou. Irônica. Nos seus braços, mais uma vez compreendi o quanto é bondosa em não me deixar esquecer. É a solidão que me ensina que não posso ser metade, preciso ser inteira. É ela que me livra, ao prender-me a mim, ensinando-me a aceitar esta condição de liberdade absoluta. É ela que me faz independente. Leve impressão de que ela me deu um tempo e vai lentamente afastando-se, despedindo-se com o toque em minhas mãos. Em seus olhos, a sempre certeza irônica de que, não importa onde, como ou com quem esteja, ela sempre voltará para mim.

28 comentários:

Karla disse...

Oi Maria!
Gostei disso: "Para estar junto não é preciso estar perto, e sim do lado de dentro".
É a mais pura verdade. E às vezes é a solidão que vem pro lado de dentro, daí a gente tem que ficar com a gente mesmo. Pra quem sabe ver poesia na vida, isso também é bom. Bjos!

Qualquer Um disse...

Cara,

Desta sua maneira. Como quem nada quer.Você coloca emoção na palavra. Ou será espelho?
Se não estamos sós é na solidão. Democrática e comprtilhada universalmente. Nossas solidões precisam umas das outras.
Um ab
edu

Sidney Andrade disse...

Meu lado menino que te tirou um riso dum jacaré (pseudo?)imaginário, veio te dizer que SOLIDÃO até pode ser bom às vezes, tudo depende de com quem você se SOLIDIFICA... O essencial é ser SOLIDÁRIO (consigo mesmo).

beijo de moleque!

Princesa disse...

Já a senti algumas vezes... enão gosto!
Espero que a sua passe depresaa.

Um beijo e uma boa semana

Rodrigo Hipólito disse...

Solidão é a pior coisa do mundo!

e em resposta ao seu comentario!
tem um video que eu fiz da musica,
é amador mais espero que goste!

Beijos

.moony. disse...

hallö o/*
lindo, lindo *-*
de fato, a gente sempre diz que é ruim sentir solidão, mas ela tem seu lado bom xD
bju
teh +
o/*

Nanda disse...

olá!!! adorei os comentários lá em meu cantinho!! muito!!! ah, e sim, o retrato é meu mesmo.. lógico que não por mãos minhas, pois na arte de desenhar, passei longe..rs

Bj bj e uma ótima semana

Nanda disse...

"É a solidão que me ensina que não posso ser metade, preciso ser inteira."

.e é na solidão que mais nos sentimos inteira.

adorei!!!!!

SAM disse...

Maria, por vezes tenho a compainha da solidão. Acho que quando estou só me sinto inteira e me basto. Se estou com a solidão é porque sinto a falta de algo e quando imposta é ruim. Gosto de estar só, mas não da solidão. Mas as minhas palavras expressam apenas a metade desta imensa e complicada questão...É ser ou estar.


Grande beijo, minha querida amiga. Obrigada.

Branca disse...

Belo post...


Passando pra te desejar uma ótima semana,

bjos!

Sonhos Amadores disse...

Maria, tem um selito pra ti lá no blog!

Beijos!

fernando disse...

Você foi muito feliz em personificar tal sentimento, o qual ao meu ver, parece tão autônomo que trasnforma-se em um ser invisível aos olhos dos outros, mas para quem sente é uma espécie de tatuagem em todos os sentidos.

Ju Furrer disse...

A verdade é que nascemos e morremos sozinhos, e pena devemos sentir daqueles que não se reconhecem nessa condição.
Ainda bem que ela está aí para te lembrar que és passageira solitária dessa vida. Não, também não é preciso drama. Durante o caminho encontrará pessoas dos mais variados tipos para fazer um pouco de companhia. O melhor é aproveitar o que de bom elas terão para te oferecer, mas sem esquecer daquela que é perpétua: a solidão.

Nanda disse...

Adorei o rastro de flores que deixou nas primaveras de lá. e feliz em saber que tenho a sua admiração. adoro os seus textos e os admiro também. são lindos e de fato certeiros também!

Um grande e carinhoso beijo

€sterança disse...

Maria, querida menina,

palavras de sabedoria,
estar só consigo mesma é não se perder em solidão é para poucos,

bjs,

Rodrigo Hipólito disse...

Você gosto mesmo? O.o

Rodrigo Hipólito disse...

Será que você pode me ajuda a divulga? :$

Posta no blog, orkut, algo do tipow!
eaaeuheauhuahea

Ficaria muito agradecido =]

Vida nova no velho mundo disse...

que lindas palavras...vc escreve bem demais! quanta sensibilidade!
obrigada por seus comentários no meu blog! fiquei muito emocionada!
beijo e bom dia!

Lyani disse...

Que belíssimas palavras sobre a solidão. Um sentimento tão bonito. Triste, mas bonito.
Ah, tem presente no meu blog pra vc :D
bjos

Luana Gabriela disse...

Maria estava sentindo sua falta pelo meu blog...

É Só na Solidão que sabemos quem Somos .. porque só se é verdadeiro por completo quando achamos que estamos sós... inclusive com nossos sentimentos..

Beijos

guilhermina, (ataulfo) e convidados disse...

Maria,

Deixo pra vc o que recentemente disse a um amigo, num post (associação livre):
"Ao meu amigo, contudo, retribuo o abraço que me enviou junto com Espanca, além de remeter-lhe um lembrete: nossa inevitável solidão ganha mais (ou novo) sentido quando encontra companhia."
Belo espaço esse que vc vem criando por aqui.
Bj
Guilhermina
www.esquinadodesacato.blogspot.com

Auíri Au disse...

Não deixe ela ficar em você!!!
Hehehe!

Bom carnaval querida!!


Beijos

Clarissa Santos. disse...

"Corre, Maria, que a vida não espera!"

:)

Deixa a solidão um pouco, já que sabe que ela sempre volta!

=*

ลndreia disse...

A solidão permanece sempre... não nos abandona. *

Samelly Xavier disse...

Deixa ela te abraçar, deixa... Aí você a beija e ela vira companhia.

Beijo recitado

Sedokao Morutaru disse...

Maria. Maria.
Hoje estou sendo vitíma, da solidão. Tremedo vacilão.

robovelson disse...

Mts ja sentiram e ñ a deixam de sentir..tb tenho a mania de apreciá-la..tive um período tipo adolescencia e início da juventude q ñ fazia outra coisa..e como ja disseram ñ é algo q devemos apreciar demais..tentamos então cultivar as verdadeiras amizades para q possamos dividir melhor nossos sentimentos e tentar viver mais um pouco desta vida q nos foi dada e tomada em alguns momentos por nossas ações diárias..

Palavras de Osho disse...

Maravilhoso texto!